Trade Balance Forecast for 2023

Exportação

Produtos2023 (US$ Bi)2022 (US$* Bi)Variação 2023/2022
Agropecuária75,95174,0442,6%
Indústria extrativa70,84675,018– 5,6%
Ind. de transformação176,685181,984– 2,9%
Outros produtos1,6801,779– 5,6%
Total325,162332,825– 2,3%

Importação

Produtos2023 (US$ Bi)2022 (US$* Bi)Variação 2023/2022
Agropecuária5,2695,606– 6,0%
Indústria extrativa17,18321,645– 20,6%
Ind. de transformação228,624240,320– 4,9%
Outros produtos2,1532,329– 7,5%
Total253,229269,900– 6,2%

Saldo

2022 (US$ Bi)2021 (US$* Bi)Variação 2022/2021
54,12661,224-11,9%

CENÁRIOS, DADOS, PARTICULARIDADES, REFLEXOS E PROJEÇÕES PARA O COMÉRCIO EXTERIOR BRASILEIRO EM 2023

1 – CONSIDERAÇÕES GERAIS

A exemplo do que tem ocorrido nos recentes últimos anos, uma vez mais, as projeções da balança comercial para 2023 vão estar sujeitas a fatores que podem provocar oscilações e impactar seus resultados, com maior possibilidade de afetar negativamente, conforme mostram os cenários listados adiante:

  • As recentes elevações das taxas de juros dos EUA e UE devem provocar redução de suas atividades econômicas, e até mesmo recessão, com impacto nos demais países e nos termos de trocas;
  • A China com seus problemas internos, políticos e pandemia, vai experimentar o menor ritmo de crescimento econômico nos últimos 20 anos, com possível impacto na demanda mundial;
  • A guerra da Ucrânia e Rússia passa por momentos de indefinição, mas com possiblidade de gerar problemas a curtíssimo prazo, que se multiplicam e se irradiam par outros países;
  • As recentes decisões da UE de estabelecer cobrança sobre importações podem ser entendidas como barreiras e que podem afetar a economia mundial;
  • o FMI tem noticiado que o comércio mundial vai passar por um desaceleração acelerada;
  • Os cenários descritos sinalizam possíveis oscilações para baixo nas cotações das commodities, representando acomodação das altas observadas em passado recente.

Porém, a despeito das avaliações acima, nada impede que uma decisão isolada possa provocar reflexos, afetando cotações e as relações de trocas.

Por outro lado, no corrente ano de 2022, os elevados preços praticados foram responsáveis pelos resultados apurados, em contrapartida a pequenos volumes. Por isso, tudo indica que no ano de 2003 haverá equilíbrio ou pequenas oscilações, para cima ou para baixo nas cotações das commodities.

2 – CENÁRIOS CONSIDERADOS DE COMÉRCIO EXTERIOR

Não obstante as considerações anteriores, as projeções para o comércio exterior em 2023 foram realizadas tendo como base o cenário atual, ajustado aos fatores já conhecidos.

As commodities continuam mostrando atraentes cotações para exportadores brasileiros, porém, sem indicação de manutenção deste patamar.

O Brasil segue altamente dependente das exportações de commodities, com os produtos manufaturados sofrendo o impacto negativo da falta de competitividades decorrente do elevado Custo-Brasil.
A taxa cambial deverá oscilar entre o piso de R$5,00 e o teto de R$5,70, influenciada por fatores políticos e econômicos internos e/ou externos.

Independente do nível da taxa cambial, a competitividade das exportações de manufaturados continua tendo na América do Sul seu principal mercado de destino, região que enfrenta problemas políticos e/ou econômicos.

O crescimento do PIB para 2023 é estimado em 1,4%, insuficiente para provocar sólido aumento da demanda interna, forte expansão do consumo das famílias e promover sustentável redução do nível de desemprego.

3 – PROJEÇÕES

Para 2023, são projetadas exportações de US$325,162 bilhões, queda de 2,3% em relação ao montante de US$332,825 bilhões estimados para 2022, enquanto as importações estão previstas em US$253,229 bilhões, queda de 6,2% em relação aos US$269,900 bilhões estimados para 2022, e superávit comercial de US$71,933 bilhões, aumento de 14,3% em relação aos US$62,925 bilhões previstos para 2022.

A expansão nominal do superávit comercial para US$71,933 bilhões deve-se ao fato de que a queda nominal de US$16,671 bilhões das importações foi maior que os US$7,663 bilhões das exportações.

Registre-se que, as projeções para 2023 mostram queda de 2,3% nas exportações e de 6,2% nas importações, mesmo assim com superávit comercial crescente, que pode ser definido como um superávit negativo, pois é obtido com duplo déficit e sem gerar atividade econômica.

4 – PROJEÇÃO E COMPARAÇÃO DE COTAÇÃO DAS COMMODITIES

O quadro abaixo mostra as cotações médias anuais das principais commodities exportadas pelo Brasil, sinalizando tendência de equilíbrio em suas cotações e/ou em seus volumes, sem fortes reflexos nas receitas de exportações em 2023.

Apenas petróleo e óleos combustíveis projetam quedas de preços superiores a 20%, impactados pela guerra da Ucrânia e Rússia, pela menor demanda da China e pela desaceleração da economia mundial, ente outros fatores.

Registre-se que, estas cotações podem sofrer alterações, para mais ou para menos, conforme a evolução do cenário mundial e de fatores pontuais imprevisíveis que podem refletir em suas cotações.

PROJEÇÕES DAS COTAÇÕES MÉDIAS (US$/TON)

ProdutosProjetadas 2023Efetivas 2022Variação %
Minério de ferro1008616,3
Petróleo470627– 25,0
Soja em grão550590– 6,8
Farelo de soja510522– 2,3
Carne suína2.4502.3564,0
Carne bovina5.5006.010– 8,5
Carne de aves2.0702.0073,1
Açúcar375400– 6,2
Milho270280– 3,6
Café3.8004.009– 5,2
Algodão1.9502.053– 5,0
Celulose4454235,2
Óleos combustíveis600786– 23,7

5 – PARTICULARIDADES

• Em 2022 as exportações de soja devem atingir 78 milhões de toneladas, afetadas pela quebra de safra, e para 2023 são projetadas 90 milhões de toneladas;
• Em 2022, a soja permaneceu como o produto líder de exportação, com estimados US$46,219 bilhões, e que será novo recorde, cenário que deverá ser consolidado com o volume recorde projetado para 2023;
• A corrente de comércio projeta US$578,391 bilhões para 2023, com queda de 4% sobre a estimativa de US$602,725 bilhões para 2022, provocada por redução de preços das commodities;
• As quedas projetadas de 2,3% nas exportações e de 6,2% nas importações deverão fazer com que a contribuição do comércio exterior para cálculo do PIB de 2023 seja negativa;
• Soja, petróleo e minério deverão ser responsáveis por 35,7% das exportações brasileiras projetadas para 2023, praticamente estáveis em relação aos 35% apurados em 2022;
• Dos 15 principais produtos exportados pelo Brasil, exceto automóveis e semiacabados de ferro e aço, todos os demais são commodities;
• O superávit de US$71,933 bilhões projetado para 2023 será recorde, mesmo com previsão de quedas das exportações e importações, superando o recorde anterior de US$61,223 bilhões apurado no ano 2020.

6 – REFORMAS E O FUTURO DO COMÉRCIO EXTERIOR

O Brasil precisa continuar insistindo em aprovar suas reformas estruturantes, condição básica para ter impacto positivo no Custo Brasil e gerar maior competitividade nas exportações de produtos manufaturados.

A ausência de aprovação destas reformas é responsável pelas exportações de produtos manufaturados representarem em 2022 apenas 28% da pauta de exportação, quando no ano 2000 respondiam por 59%, significando a perda de milhares de empregos.

A importância de aprovação destas reformas também pode ser medida pelo recorde negativo de US$125 bilhões previsto para a balança comercial de manufaturados em 2022, resultado da falta de competitividade dos produtos manufaturados brasileiros, e que custa ao Brasil cerca de 4 milhões de empregos qualificados.

VARIAÇÕES PROJETADAS NOS PRINCIPAIS PRODUTOS DE EXPORTAÇÃO

Agropecuária

Produtos2023** (US$ Bi)2022* (US$ Bi)Variação (%)
Soja em grão90 t x $550 = 49,50046,2197,1
Milho40 t x $270 = 10,80011,727– 7,9
Café não torrado2,2 t x $3800 = 8,3608,738– 4,3
Algodão em bruto1,8 t x $1950 = 3,5103,792– 7,4
Frutas e nozes0,95 t x $950 = 0,9020,8851,9
Especiarias0,13 t x $2800 = 0,3640,3630,3
Animais vivos0,07 t x $400 = 0,2800,2588,5
Trigo e centeio3 t x $310 = 0,9300,80915,0
Demais produtos1,3051,2534,1
TOTAL75,62174,0442,6
(**) Quantum projetado x preço médio estimado = receita t x prevista; (*) estimativa.

Indústria extrativa

Produtos2023** (US$ Bi)2022* (US$ Bi)Variação (%)
Minério de ferro e concentrados360 t x $100 = 36,00028,76625,1
Petróleo em bruto65 t x $470 = 30,55041,509– 26,4
Minério de cobre e concentrados1,2 t x $2200 = 2,6402,772– 4,8
Outros minerais em bruto4,4 t x $150 = 0,6600,926– 28,7
Outros minérios e concentrados1,3 t x $240 = 0,3120,2955,8
Minério de níquel e concentrados0,13 t x $1800 = 0,2340,294– 20,4
Demais produtos0,4500,456– 1,3
TOTAL70,84675,018– 5,6
(**) Quantum projetado x preço médio estimado = receita t x prevista; (*) estimativa.

Indústria de transformação

Produtos2023** (US$ Bi)2022* (US$ Bi)Variação (%)
Farelo de soja23 t x $510 = 11,73011,1335,4
Carne bovina2 t x $ 5500 = 11,00011,801-6,8
Açúcares e melaços28 t x $375 = 10,50011,775-10,8
Celulose21 t x $445 = 9,3458,5699,0
Óleos combustíveis de petróleo15,5 t x $600= 9,30013,075-28,9
Carne de aves e miudezas4,4t x $2070 = 9,1088,8293,2
Ferro gusa, spiegel4,5 t x $1400 = 6,3006,451-2,3
Produtos semi-acabados ferro-aço7,4 t x $700 = 5,1806,416-19,3
Veículos automóveis4,3504,739-8,2
Ouro não monetário0,125 t x $34500 = 4,3124,845-11,0
Partes e acessórios automóveis4,2483,51720,8
Gorduras e óleos vegetais4,2004,271-1,7
Instalações e equips de engenharia3,0002,8425,5
Alumina – Óxido de alumínio8,5 t x $ 332 = 2,8223,179-11,2
Aeronaves e suas partes2,7242,46710,4
Veículos para transp. mercadoria2,7182,32117,1
Motores de pistão2,6282,38510,2
Carne suína1,05 t x $ 2450 = 2,5722,3808,1
Papel e cartão2,4002,422-0,9
Sucos de frutas ou vegetais2,4002,17210,5
Álcoois, fenóis e derivados2,2802,404-5,1
Tabaco2,1512,1141,7
Madeira  trabalhada e dormentes1,8002,001-10,0
Elementos químicos inorgânicos1,7281,6246,4
Pneus de borracha1,6201,4958,4
Veículos rodoviários1,5121,32014,5
Calçados1,4551,4520,2
Despojos comestíveis de carnes1,4131,430-1,2
Geradores elétricos giratórios1,3801,3710,6
Folheados e aglomerados1,3201,55214,9
Couro1,1501,210-4,9
Cal, cimento e materiais construç.1,1161,0644,9
Tubos e perfis ocos de ferro aço1,0680,89219,7
Barras de ferro e aço1,0561,110-4,9
Produtos laminados não folheados1,0401,386-25,0
Alumínio0,37 t x$ 2800 = 1,0361,197-13,4
Amidos, inulina glúten de trigo1,0110,89812,6
Máquinas agrícolas e partes0,9960,9702,7
Móveis e suas partes0,9840,9711,3
Outros produtos comestíveis0,9720,9067,3
Polímeros de etileno0,9000,950-5,3
Bombas, centrífugas, compressores0,8600,902-4,6
Outros medicamentos, incl. veterin0,8550,795-7,5
Outras matérias plásticas0,8160,888-8,1
Máquinas e aparelhos elétricos0,8160,8031,6
Produtos residuais de petróleo0,8000,72610,2
Medicamentos e produtos farmac.0,7870,71010,8
Café torrado, extratos e essências0,09 t x $8500 = 0,7650,7285,1
Matérias brutas de animais0,7470,6839,4
Obras de ferro ou aço07380,757-2,5
Outros produtos inds. química0,7200,859-16,2
Outros hidrocarbonetos0,7110,59719,1
Torneiras e válvulas0,7050,59418,7
Manufaturas de madeira0,6890,743-7,3
Máquinas não-elétricas0,6420,676-5,0
Outras máquinas e equipamentos0,6240,55612,2
Cobre0,6000,729-17,7
Equips distribuição energia elétrica0,5670,5483,5
Materiais de construção de argila0,5640,593-4,9
Veios de transmissão e manivela0,5640,5365,2
Chapas, folhas e tira de plástico0,5640,573-1,6
Aquecimento e resfriamento equip.0,5460,45320,5
Outros produtos químico orgânicos0,5490,598-8,2
Compostos de função nitrogênio0,5400,557-3,0
Óleos essenciais para perfume0,5370,48011,9
Outras carnes salgadas0,5340,46814,1
Aparelhos elétricos para ligação0,5310,46713,7
Produtos perfumaria ou toucador0,5250,4936,5
Tratores0,5250,45216,1
Produtos laminados folheados0,5100,632-19,3
Outros artigos de plásticos0,4950,4812,9
Demais produtos18,43419,001-3,0
TOTAL176,685182,484-3,2
(**) Quantum projetado x preço médio estimado = receita t x prevista; (*) estimativa.

VARIAÇÕES PROJETADAS NOS PRINCIPAIS PRODUTOS DE IMPORTAÇÃO

Agropecuária

Produtos2023** (US$ Bi)2022* (US$ Bi)Variação (%)
Trigo e centeio5,5 t x $330 = 1,8151,944– 6,6
Pescado inteiro0,092 t x $ 7000 = 0,6440,735– 12,4
Frutas e nozes0,6350,6350,0
Produtos hortícolas0,2600,305– 14,7
Látex, borracha natural, balata0,5100,4786,7
Cevada, não moída0,2200,249– 11,6
Milho0,5800,635– 8,7
Demais produtos0,6050,625– 3,2
TOTAL5,2695,606– 6,0
(**) Quantum projetado x preço médio estimado = receita t x prevista; (*) estimativa.

Indústria extrativa

Produtos2023** (US$ Bi)2022* (US$ Bi)Variação (%)
Petróleo em bruto11 t x $ 650 = 7,1509,586– 25,4
Gás natural, liquefeito ou não7,5 t x $600 = 4,5005,072– 11,3
Carvão17 t x $ 245 = 4,1655,437– 23,4
Outros minérios concentrados0,5500,688– 20,0
Fertilizantes bruto (exceto adubo)0,2980,309– 3,5
Outros minerais em bruto0,2660,279– 4,6
Demais produtos0,2540,274– 7,3
TOTAL17,18321,645– 20,6
(**) Quantum projetado x preço médio estimado = receita t x prevista; (*) estimativa.

Indústria de transformação

Produtos2023** (US$ Bi)2022* (US$ Bi)Variação (%)
Óleos combustíveis de petróleo23 t x $900 = 20,70023,116– 10,4
Adubos ou fertilizantes químicos38 t x $ 480 = 18,24024,556– 25,7
Válvulas e tubos termiônicas10,50011,746– 10,6
Compostos organo-inorgânicos10,50010,0654,3
Inseticida, fungicida, herbicida7,0006,9640,5
Equipamentos  telecomunicações6,5006,608– 1,6
Partes de veículos automóveis6,3007,655– 17,7
Medicamentos e prods farmacêut6,0006,940– 13,5
Motores e maqs não-elétricas5,8005,7920,1
Veículos transporte mercadorias4,5003,49328,8
Veículos automóveis passageiros4,5003,61124,6
Outros medicamentos, incl. veter.4,4504,2065,8
Instrumentos e aparelhos medição3,7003,4277,9
Máquinas e aparelhos elétricos3,5003,3364,9
Motores de pistão e suas partes3,4443,3552,6
Aeronaves, incluindo suas partes3,1602,87310,0
Aparelhos elétricos para ligação2,9522,9420,3
Outras matérias plásticas2,8802,8092,5
Bombas, centrífugas, compressor2,6402,4049,8
Compostos de função nitrogênio2,5202,631-4,2
Elementos químicos inorgânicos2,5202,740-8,0
Cobre2,5152,3626,5
Obras de ferro e aço2,1812,1352,2
Veios de transmissão e manivela2,3402,370-1,3
Instalações e equipament. engenh2,1122,0234,4
Polímeros de etileno2,1002,0303,4
Máquinas de energia elétrica2,0401,8599,7
Outras máquinas equips especial1,9201,8215,4
Máquinas processamento dados1,8601,7237,9
Ácidos carboxílicos e anidridos1,8601,8510,5
Outros produtos indústria química1,8361,901-3,4
Aqueci / resfriamento de equips.1,8001,61411,5
Pneu de borracha, flaps e câmara1,7401,52713,9
Torneiras, válvulas e dispositivos1,7401,6545,2
Fios têxteis1,6201,5027,8
Geradores elétricos giratórios1,5931,5095,6
Alumínio1,5601,692-7,8
Instrum.aparelhos uso medicinais1,5601,41110,5
Outros artigos de plásticos1,4761,4521,6
Álcoois, fenóis e seus derivados1,4521,609-9,7
Chapas, folhas, tiras de plásticos1,4401,3476,9
Sais e peroxossais de ácidos1,4401,3387,6
Equipam. distribuição energia eletr1,3201,2584,9
Equipam. mecânico para manuseio1,2721,283-,0,8
Peças e acessórios maqs. process.1,1401,300-12,3
Tubos e perfis ocos ferro e aço1,1401,0795,6
Produtos laminados plano folheado1,1401,303-12,5
Produtos residuais de petróleo1,1401,239-8,0
Outros artigos manufaturados1,1401,0815,4
Bombas para líquidos1,1401,0577,8
Pollacetais, poliéteres e epóxidas1,0441,109-5,9
Coques e semi-coques1,0201,463-30,3
Instrumentos musicais1,0201,078-5,4
Máquinas não-elétricas mecânica1,0081,050-4,0
Motocicletas e bicicletas0,9840,9681,6
Pregos parafusos porcas rebites0,9601,052-8,7
Pigmentos, tintas, vernizes0,9231,017-9,2
Gorduras e óleos vegetais0,9240,8716,1
Rolamentos de esferas ou roletes0,9000,972-7,4
Outros produtos quím. orgânicos0,9000,8644,2
Preparações e cereais, de farinhas0,8500,878-3,2
Equiptos eletr e ñ-eletr doméstico0,7800,847-7,9
Outros artigos materiais minerais0,7800,813-4,0
Outros artigos de borracha0,7800,838-6,9
Propano e butano liquefeito0,7801,112-29,8
Bebidas alcoólicas0,7560,7510,7
Papel e cartão0,7320,735-0,4
Outros hidrocarbonetos0,7200,937-23,1
Móveis e suas partes0,6600,685-3,6
Prata, platina e outros metais0,6000,815-26,4
Polímeros de cloreto de vinila0,6000,720-16,7
Demais produtos30,98033,146-6,5
TOTAL228,624240,320-4,9
(**) Quantum projetado x preço médio estimado = receita t x prevista; (*) estimativa.

VEJA TAMBÉM: